Na Irlanda, a hospitalidade é um grande valor. Para mostrar isso, a cidade de Dublin criou o programa Cidade das Mil Boas-Vindas. O objetivo é bem simples: juntar viajantes e locais para tomar um café ou uma cerveja. O seu dublinense pessoal não vai ser um guia de turismo, mas ele tem a missão de te apresentar a cultura do país e te dar dicas sobre a cidade. Você pode ficar sabendo de um restaurante que só locais conhecem, uma atração turística offbeat, um show de música ao vivo. Você pode se inscrever aqui, e o programa é grátis.

 

O programa é super bem sucedido e já recebeu vários prêmios, chegando a ser descrito pelo Sydney Morning Herald como a melhor coisa grátis para fazer na Europa. Para ter uma noção de como funciona, clique aqui para ver vídeos em que alguns dos voluntários contam sobre os lugares que eles costumam recomendar.

guinness
Crédito: wikipedia commons

Eu só ouvi falar sobre esse programa quando estava lá. No meio da festividade do Bloomsday, uma dublinense me contou sobre essa idéia e eu falei que era uma pena que eu não tivesse ficado sabendo antes, porque eu gostaria de participar. Ela imediatamente me pagou uma cerveja, falando que não ficar sabendo antes não é desculpa para sair sem experimentar a hospitalidade irlandesa. É esse tipo de atitude que mantém o programa funcionando e sempre com críticas excelentes.

Little Museum Dublin whattododublin.com
Crédito: What to do Dublin

Cidade das Mil Boas-Vindas é uma iniciativa do Little Museum em Dublin. Ele é, como o nome diz, um museu minúsculo, com apenas duas salas, mas a missão de contar a história da cidade no século XX. O museu é constituído inteiramente por objetos doados pelo público, o que dá um olhar mais íntimo para a história. O museu tem desde objetos cotidianos, como antigas garrafas de leite e latas de biscoitos, uma carta escrita por Samuel Beckett a um menino que morava na sua casa de infância e até o leitoril em que Kennedy fez um discurso.

 

O único modo de visitar a coleção é como parte de um tour guiado. Os guias focam mais em histórias da cidade, como a proibição de católicos em Trinity College e a rivalidade entre dois teatros diferentes, mas também vão falar de eventos históricos como a insurreição da páscoa de 1916. O museu também tem exposições temporárias.

Little Museum Dublin collectireland.com
Crédito: Collect Ireland

Os tours frequentemente lotam antes, então reserve seu ingresso online para evitar decepções.

Escrito por Julia Boechat

Estudante de história. Já morei em Bologna, fiz trabalho voluntário em Praga e viajo sempre que posso. Sou viciada em livros e filmes e estou tentando ler/ver um de cada país do mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s