Em Catania, um passeio que foi super recomendado pelas pessoas do meu albergue foi o tour da faculdade de letras. Isso porque ela fica em um prédio que tem camadas de várias épocas, e pode ser usado para contar a história da cidade.

faculdade-de-letras-catania-exterior

Os primeiros lugares que você visita no tour são os dois Claustros, de quando o prédio era a sede do Monastério dos Beneditinos, um dos maiores monastérios da Europa. Ele foi um dos melhores exemplos de barroco na Sicília.

O original foi destruído várias vezes: a primeira em 1669, por uma erupção do Etna. O monastério foi cercado de um lado por lava endurecida que chegava a 12 metros de altura. Ele começou a ser reconstruindo usando em parte a própria lava, como é o caso de vários edifícios em Catania. Por isso tantos prédios na cidade são construídos no que parece ser uma pedra escura.

elefante-e-igreja-de-santa-agata-catania

Os teatros grego (com casas no meio) e o teatro romano foram esculpidos em lava seca, assim como o elefante, símbolo da cidade desde o séculoXIV

Em 1693, o Monastério foi destruído de novo, dessa vez por um terremoto que abalou a maior parte do Val di Noto. Ele foi reconstruído por muitos dos arquitetos mais famosos da Sicília.

Em 1866, ele foi confiscado pelo governo. Ele teve muitos usos como prédio civil: foi uma escola, alojamento do exército, laboratório de astronomia, hospital. Ele foi danificado por bombardeios durante a Segunda Guerra, algo lembrado com uma escultura moderna em um dos subterrâneos.

Finalmente, em 1977, ele foi doado à faculdade de Catania, e agora é usado para os cursos de humanidades. Foi quando começou um projeto ambicioso de restauração que descobriu não só o que restava do antigo Monastério, mas o que restava dos romanos. O encontro entre o Cardus e o Decumanus maximus passava embaixo do Monastério, e casas helenísticas foram descobertas lá debaixo.

No porão do século XVI, agora usado como biblioteca da universidade, dá para ver do alto o chão de mosaico de uma casa romana.

Hoje os antigos quartos dos monges são os escritórios dos professores, e refeitórios e salas de oração foram transformados em salas de aula.

A Igreja de San Niccolò, que costumava ser ligada ao Monastério, hoje é uma parte independente. Ela nunca foi terminada. Mas a universidade ainda é o acesso para o lugar do coro, no alto da igreja.

O tour dura entre 1 hora e 1 hora e meia e está disponível em inglês ou italiano. A visita guiada custa 6 euros para adultos e 2 para estudantes.

Depois, eu aproveitei para visitar outros lugares de Catania. Eu fui no final de janeiro, quando estava acontecendo a Festa de Santa Agata, padroeira da cidade.

Mas em Catania, até meu albergue ficava em um palácio e tinha afrescos.

ostello-degli-elefanti

Ostello degli Elefanti, em Catania

Escrito por Julia Boechat

Estudante de história. Já morei em Bologna, fiz trabalho voluntário em Praga e viajo sempre que posso. Sou viciada em livros e filmes e estou tentando ler/ver um de cada país do mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s