Primeiro eu comprei minha passagem para o Peru, nos poucos dias que eu tinha entre a reposição da greve e o começo do novo semestre na faculdade. Só depois eu lembrei que era Carnaval, e comecei a pesquisar se lá tinha algum tipo de festa. As informações que achei foram poucas, mas vou colocar aqui minhas experiências.

Em Cusco, a primeira manifestação que vi foram crianças andando fantasiadas e com pernas-de-pau enormes, e jogando água em todo mundo, principalmente quem tinha cara de gringo. Todo mundo na cidade andava armado com sprays de neve, pistolas de água ou balões de água, apesar do frio.

 

Na Plaza de Armas tinha música típica, dança, e, claro, sprays.

Carnaval Cusco Plaza de Armas 1

Carnaval Cusco Plaza de Armas 2

Carnaval Cusco Plaza de Armas 3

Em Arequipa eu vi um pequeno desfile, algo no estilo do que acontece no Brasil, mas muito menor.

Carnaval Arequipa parada

Algumas pessoas apontaram para mim e para os americanos do meu albergue que estavam comigo, gritaram “gringos” e…

 

Bem, esse foi o resultado.

Carnaval Arequipa atingida

Blocos de rua não são tão comuns, pelos que vi, embora alguns saiam em Barranco, em Lima. A cidade de Cajamarca, no norte do país, tem um carnaval animado, a maior festa de rua fora do Brasil.

Escrito por Julia Boechat

Estudante de história. Já morei em Bologna, fiz trabalho voluntário em Praga e viajo sempre que posso. Sou viciada em livros e filmes e estou tentando ler/ver um de cada país do mundo.

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s